atendimento@clinicapsicossoma.com.br

sexta-feira, 30 de maio de 2014

Relacionamento: Ciúmes



    Ciúmes segundo a Psicopatologia é uma reação frente a uma ameaça real ou imaginária, e visa eliminar os riscos da perda do ser amado. Também podemos entender o ciúme como uma emoção provinda da noção de que a pessoa amada desvia sua atenção para outro, o que coloca em risco nossa segurança afetiva. Em síntese, podemos definir ciúme como uma emoção que pode ir do ataque físico ao choro, como uma forma de desabafar. É uma emoção normal dependendo do contexto e da intensidade.

   Muitas vezes o ciúme surge por falta de confiança do parceiro. O fato de acreditarmos que o nosso parceiro não gosta de nós o suficiente, ou se suspeitamos que gosta de outra pessoa, mesmo quando não existem provas, tem origem na falta de confiança que o ciumento tem na outra pessoa, tenha esse pensamento provas ou não.

     A falta de confiança, talvez seja o motivo mais frequente, muito difícil de perceber e quase impossível de assumir. Muitas vezes camuflado com a falta de confiança no parceiro, quando na verdade é o ciumento que não tem confiança. Se alguém pensa que não tem valor, facilmente questiona as pessoas que lhe encontram esse valor. Aliás, quando uma pessoa acha-se má, sem valor, sem qualidades, um mau companheiro, irá necessariamente pensar que facilmente é possível encontrar melhor. Nesse caso, dificilmente se assume essa percepção desvalorizada, encobrindo-a com falsos argumentos.

     É importante referir que o ciúme é uma reação ao medo da perda, mas curiosamente os comportamentos e atitudes que resultam dessa reação podem contribuir significativamente para essa perda. Um ciumento é dependente ou faz o outro dependente de si, viola a privacidade e os limites da pessoa que não quer perder, ambiciona uma relação funcional com a outra pessoa, etc. Independentemente se o medo era de uma perda imaginária, provavelmente todos estes comportamentos originados pelo medo, irão provocar uma perda real.

Tatiana Pombo Perez
Psicóloga CRP: 06/109.924

Nenhum comentário:

Postar um comentário